A ONG Florescer completa 26 anos de fundação. Sem fins lucrativos, a instituição tem como objetivos contribuir de forma social com a comunidade de Paraisópolis, prestando serviços referentes à educação, esporte, lazer, profissionalização e cultura, resgatando a dignidade, o respeito e a convivência familiar e comunitária.

01

Criada em 1990, por Nadia Bacchi, a ONG Florescer teve início no interior de São Paulo, em São Manuel. Atualmente, aqui em São Paulo, a ONG atende cerca de 535 crianças, entre 6 e 16 anos.

“Trabalhamos em São Manuel durante 2 anos, depois eu me mudei para São Paulo e me tornei vizinha da comunidade Paraisópolis.  Fui muito bem recebida. Comecei a realizar eventos fora daqui, para trazer os recursos para as crianças da comunidade. Com o tempo conseguimos montar uma pequena sede e nos instalamos definitivamente aqui dentro”, explica Nadia.

nadia-bacchi-ong-florescer-vila-nova-conceicao

Nadia Bacchi, Presidente da ONG Florescer (Foto: Ai Press)

ONG Florescer: 26 anos

Na celebração dos 26 anos houve diversas atrações para a criançada, com palhaços e os cantores Bianca e Marcelo. Teve também concursos de danças, apresentação da Rainha da Primavera e até cover mirim de Carmem Miranda.

A escolha dos vencedores foi comandada pela atriz e modelo, Karina Bacchi, que também é Presidente do Conselho Fiscal da ONG Florescer.

A entrega de brinquedos para as crianças da comunidade Paraisópolis, foi mais um dos momentos de maior alegria. Karina Bacchi se emocionou. “Para mim é uma missão de vida. Participo dele desde pequenininha. Minha mãe idealizou e criou a ONG Florescer há 26 anos, então, eu estou aqui desde o início”, explica Karina.

karina-bacchi-ong-florescer-vila-nova-conceicao

  Karina Bacchi, Presidente do Conselho Fiscal da ONG Florescer (Foto: Ai Press)

A Karina começou comigo há 26 anos, eu era Presidente da Diretoria de Adultos. Como ela era adolescente, acabou assumindo a Diretoria Juvenil. Desde então, ela me acompanha nessa missão, e sempre que podemos, estamos juntas. Ela procura trazer parceiros, divulgar nossa ONG com a imagem dela, e isso é muito positivo para gente”, ressalta Nádia.

Para comemorar esses 26 anos de projeto, foi organizado um evento que teve a presença de vários parceiros, entre eles a empresa Lavasecco, aqui da Vila Nova Conceição, que arrecadou brinquedos dos moradores do bairro para entregar às crianças da comunidade Paraisópolis.

No total arrecadados 358 brinquedos, cerca de 350 peças de roupas e mais de 43 livros. Tudo foi levado para a Paraisópolis pela equipe da Lavasecco.

Leda Borri, proprietária da franquia aqui no bairro revela que está feliz e satisfeita com a ação.

“Estou muito feliz! É uma realização única. Foi muito bom essa experiência, principalmente nesse ano que arrecadamos brinquedos. Ver a alegria das crianças e o brilho em seus olhos é maravilhoso!”, conta emocionada Leda.

Com potencial para atender cerca de 1000 crianças, vale lembrar que a ONG Florescer ainda precisa de mais parceiros.

lavasseco-ong-florescer-vila-nova-conceicao

Francisco e Leda Borri com doações dos moradores da Vila Nova Conceição (Foto: Ai Press)

“Este projeto é um sonho que se transformou em realidade. Nosso objetivo é beneficiar as crianças carentes da comunidade, dando a elas diversos cursos como ballet, informática, reforço escolar, inglês, artes, caratê, percussão. Já chegamos a atender 800 crianças, mas infelizmente por falta de voluntários, de pessoas que venham para nos ajudar, esse número caiu. Mas nosso intuito para o próximo ano é fazer a retomada e chegarmos a 1000 atendimentos por semana”, afirma Lia Figueiredo, Tesoureira, Secretária e Coordenadora da ONG Florescer.

ong-florescer-lia-vila-nova-conceicao

Da esq. para dir.: Leda Borri, Nadia Bacchi e Lia Figueiredo (Foto: Ai Press)

Na oportunidade, também foi ao evento, Andreia Hayashida, Diretora da Escola Paulista de Dança, localizada em Moema. Ela apoia a questão social e tem um projeto que atende crianças carentes, propondo através da dança a integração social com o despertar de aptidões e habilidades.

ong-florescer-andreia-hayashida-vila-nova-conceicao

Andreia Hayashida e Lucas Rocha (Foto: Ai Press)

“É o meu primeiro contato com a ONG Florescer. Tenho muito interesse em ser parceira do Projeto e ajudar através da dança. Buscamos jovens que tenham habilidade, talento e que realmente possam se transformar em profissionais. Poderia trazer a Escola Paulista de Dança aqui para dentro da comunidade e também levar os alunos aqui da comunidade para dentro da Escola. Eu acredito que eles já tenham aulas de dança, a ideia é somar”, afirma Andreia.

 

ONG Florescer: Projeto Recicla Jeans

Dentro da ONG Florescer existe o Projeto Recicla Jeans que surgiu há cerca de 10 anos para dar sustentabilidade à ONG.

“Como nós não temos nenhuma ajuda governamental, o Recicla Jeans acaba trazendo um pouco de recursos para ONG, além de ser uma oportunidade de trabalho para as mulheres da nossa comunidade. Ele gera emprego e renda para pagar nossas despesas”, ressalta Nadia.

Segundo Nadia, o Recicla Jeans é moda, consciência e responsabilidade social. A ideia é reciclar o jeans e transformá-lo em um novo produto como bolsas, sacolas, chaveiros, capas de almofadas e até novas peças de roupas.

Os profissionais da oficina de reciclagem e da própria ONG são moradores da comunidade remunerados cada um em sua função.

As pessoas e empresas que tiverem interesse em ser voluntários do Projeto Florescer ou até mesmo fazer doações podem entrar em contato com a ONG Florescer.

Por Ilana Alves, Lucas Rocha, Jabson Barbosa

SERVIÇO

ONG Florescer

Endereço: Rua Manoel Antônio Pinto, 500, Paraisópolis – São Paulo/SP – Brasil – BR
Telefone: (11) 3746-9846
e-mail: [email protected]
Site: www.ongflorescer.com.br

Publicado em: vilanovaconceicaosp.com.br

 

Recent Posts